Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013

Panlogia como espírito no corpo

Imagem
Panlogia como esp í rito no corpo Muitas filosofias e crenças desejam evoluir a alma e negligenciam o cuidado corporal ou a matéria. De certo modo esse modus operandi está equivocado, uma vez que estamos nesse plano ou dimensão por alguma missão útil. Não fosse útil, não existiríamos. Para tanto, tanto as doutrinas da reencarnação ou metempsicose, bem como a da ressurreição são necessárias. Hoje a ciência prova que o universo material terá um fim, chegando assim a ser engolido pela expansão da estrela, no caso o nosso sol nos queimaria. Para tanto há de haver um modo de sobrevivência da alma, seja por outra forma de veículo, no caso um eletrônico, seja em dimensões paralelas. Mas a alma evolui por vidas no corpo. Este mesmo veículo deve se adaptar a condições climáticas, e por fim terá futuramente outra composição. Mas Panlogia defende uma vida plena, inclusive vivendo-se em equilíbrio corporal, favorecendo se aproveite ao máximo sua vivência. Essa corporeidade é essencial

Panlogia como leitura do mundo

Imagem
Para o panlogista nada ficará oculto. Assim usará de todas as leituras disponíveis, como da escrita, do rosto, do corpo, das mãos, dos pés e todas as leituras. A realidade será um grande agouro. Assim saberá se traduzir, descobrirá parte de seu anjo, de seu arquétipo. Futuro e passado acabam por estar em um só, e se vê engolido na garganta do Todo. E isso é ver as maravilhas da realidade, os talentos e possibilidades. E todas as pessoas têm muitas possibilidades na vida, todas têm talentos incríveis. O problema é que isso está encoberto no véu no analfabetismo morfológico. E cada rosto, cada voz, cada jeito, tudo é compreendido. As pessoas são plenas em seus desígnios e nada lhes tirará a força das estrelas que têm por herança. Acaba por outro lado se esquecendo da realidade superficial e vendo um mundo de mais encanto, ou de mais veracidade. Muitos terão de procurar terapeutas após verem o realmente são. Pois Panlogia mostra tudo. E se percebe aos poucos que tudo é assim mesmo

Panlogia como o caminho de cada um

Imagem
Panlogia como o caminho de cada um Panlogia não te fará ser uma pessoa que verdadeiramente não é. Não te fará mentir a si mesmo. Porque seu caminho já está traçado, é a tua natureza que compensa defeitos passados e prepara para o futuro, ao longo das vidas. Esse caminho é divino, e entre chineses se chamou de Tao, em especial o mestre Lao Tsé. Nossa cultura talvez chame de providência. Mas nada tem a ver com algo meramente moral ou religioso, porém carnal e relacionado principalmente a socialização. É em resumo a união entre os pólos yin e yang, ou masculino e feminino. Mas isso não se refere a pessoas, mas ao gênero que está em todas as coisas, pois segundo lei hermética todas têm gênero. E isso é unir o céu e a terra, o superior e o inferior, pois ambos são uma coisa só. O santo e a cortesã são uma coisa só. Do santo se caminha a cortesã, da cortesã ao santo, se o santo não estar preparado a liberação, e se volta, em um ciclo que se repete. Existe sim uma espécie

Panlogia - a verdade de cada um, igual a do Todo

Imagem
Panlogia - a verdade de cada um, igual a do Todo A verdade está no Todo, e ao mesmo tempo   cada um tem a sua verdade. Assim duas ou mais pessoas com opiniões diferentes podem estar certas. Também aquelas que acham mentir podem na verdade estar afirmando alguma verdade. Tudo é uma forma de dizer a mesma coisa sobre a mesma coisa. A lógica muda com o tempo. Porque o modo como a intenção se verifica transmuta a verdade. Essa transmutação da verdade gera outra verdade. Porque existe uma verdade consciente, uma inconsciente, outra subconsciente e outra Cósmica. O homem tenta compreender com suas limitações, e adiciona coisas em sua matemática. Fato é que os fatos podem ter suas interpretações ou hermenêuticas. Mas 2+2 tem o mesmo significado, apesar de que o humano pela sua complexidade pode mudar o resultado pela intenção. Há assim a reserva mental. O que vale aqui é que o Todo é a união das partes. E essas partes são necessárias, nenhuma está com conclusão errada. Nada e nem

Panlogia como resgate dos antigos saberes

Imagem
Panlogia como resgate dos antigos saberes A Panlogia vai tomar o caminho de complementar os ensinos acadêmicos. Assim estudos de ciências antigas serão fundamentais. De certa forma vemos lacunas em todos os setores, e explicações faltantes. Seja pelo afastamento da filosofia da metafísica, bem como o não respeito com os ancestrais e seus saberes. Já falamos que saberes populares e outros têm papel importante nesse caminho. Também a contribuição de diversas religiões serve de material a Panlogia. Vemos que existem uma série de assuntos sem explicação. Também a parapsicologia está cada vez mais necessária, uma vez que reduzimos em muito a superstição. Mesmo o cinema gosta de repetir temas sobre assuntos inexplicáveis. Panlogistas acabam explicando tudo. Não importa se está cem por cento certo, importa ter a resposta a atual evolução de consciência. Assim a Panlogia acompanha a noogenese. Para a Panlogia nada estará fora da realidade, pois toda a realidade será compreendida

Panlogia como pensamento transcendente

Imagem
Panlogia como pensamento transcendente Mesmo com a fantasia das religiões e com as histórias duvidosas de seus fundadores, profetas e santos, vemos que a lição que resta desses mestres tem seu fundamento místico, sendo uma forma de transcender o pensamento comum da humanidade. Resta a sabedoria e o aspecto prático de tais crenças, seja em que civilização seja. Mesmo na presente, que em muito não tem nada de original, vejo que a Panlogia tem algo a beber, pois a fonte leva algo de inspirador. A cura maior é alcançada. Não apenas sob ponto de vista físico ou médico, mas sob ponto de vista espiritual. Vemos uma série de mentiras sendo defendidas, mas porém as pessoas felizes por se integrarem em uma visão comum, de acordo com sue capacidade intelectual. Não estão erradas. Depende sempre o foco e o nível de consciência. Não devemos condenar religiões antigas, do mesmo modo, pelo nosso atual ponto de vista e atual desenvolvimento social. Aquilo que vem para o bem da sociedade sob po