Cura e reflexologia

Cura e Reflexologia


            Sempre fui muito simpático a reflexologia, apesar de não praticar, mas ter feito o tratamento algumas vezes. A doutrina se baseia em que nosso corpo tem em suas regiões paralelas com os órgãos, e que essas regiões servem tanto para diagnosticar problemas em certos órgãos, quanto para tratá-los. Assim, as principais são os pés, as orelhas, as mãos e o rosto. Todos ou a maioria dos órgãos estão concentrados nessas partes do corpo, verdadeiros microssistemas. Mas o corpo inteiro tem uma inter-relação entre suas energias, entre o chi. Pelos sentimentos geramos muitos problemas, pois os sentimentos estão nos órgãos, como no rim, baço, coração, pulmão etc. Isso tudo faz parte do saber oriental, a que a reflexologia soube buscar nutritivo alimento para a cura.
            Mas no domingo último fui convidado a participar em um curso de reflexologia podal, junto a Instituto Dharma, e fui uma cobaia, apesar de já antes ter passado pela experiência de shiatsu, que me é muito vantajosa. Descobre-se em dores localizadas em pontos de meridianos algum mal em determinado órgão. Acho que é muito mais eficiente e construtivo ao autoconhecimento, superior aos exames a que os médicos nos insistem em mandar fazer, enriquecendo laboratórios. A medicina chinesa já de tempos que têm seus exames, e o corpo fala através dos meridianos, da falta e excesso de energia. É muito interessante perceber a sintonia de saber a que os nossos atuais fisioterapeutas vem buscando, unindo os saberes do ocidente aos do oriente. Tudo isso hoje em dia é ciência séria, semelhante a acupuntura, shiatsu, do-in etc. Tomara os médicos saibam beber nessas fontes de sabedoria oriental, e tratem as doenças não só em efeitos, mas também nas causas.
            Mas não nego melhora desde que por esse conhecimento e tratamento fez do meu corpo outro mundo. Antes um mundo passivo e desconhecido agora fala por si, independente de exames, as pequenas dores em certos pontos podem dizer se tenho problema em certo órgão especial, como rim, coração, baço, estômago, fígado etc, glândulas e tudo mais. Descobre-se alguns cristais, faltas e excessos de energia. Trata-se por desviar essa energia para acho que três órgãos que podem receber essa energia, um o estômago. Lembra-me uma meditação taoista onde após se direcionar a energia a cabeça, pelo excesso era necessário move-la ao ventre. Mas por um método de arrasto, se leva a energia de um ponto até outro do pé. Massagens circulares também tratam pontos específicos.
            Para tanto, somos inteiros  constelações, onde a energia vital se move e nos torna plenos e harmonizados quando tem livre vazão, circula. Mas nem todos têm essas funções de seu corpo agindo corretamente, e mesmo eu estava muito desequilibrado até recentemente. Confesso que a melhora não é mágica, mas que a pressão e certas técnicas têm algum sentido, e o corpo mesmo por inteiro funciona com um sistema muito complexo, porém decifrável. Os orientais parecem ter descoberto esses sinais do corpo. Como está na Bíblia (Jó, 37:7), nós temos selos nas mãos, colocados por Deus. Também nos pés, e no corpo todo, isso nos prova a reflexologia.  E uma medicina e tratamentos mais sábios surgem quando compreendemos esse aspecto mais energético e sutil de nosso corpo, para assim um dia estarmos em harmonia com nossa alma e verdadeiro eu, não mais tão presos a carne e aos males aparentes que criamos através de desequilíbrios, maus hábitos e sentimentos sinistros. A reflexologia encaminha essas energias, traça o rumo, e uma cura deve surgir com o encontro da sabedoria. Conhece-te a ti mesmo talvez se refira primeiro a que o mapa de nossos meridianos seja não mais um segredo, mas a revelação dessa chave a que nos está proporcionada pelo Todo, escrita em nosso corpo.

Comentários

  1. Penso que há de haver no orientalismo conhecimento real sobre nosso corpo. Mas o corpo é materialização das vibrações da alma. Assim, o que realmente importa é conhecer a alma. Precisamos estudar a reflexiologia da alma. Visto que toda atividade reflexiva parte primeiramente da alma e do espírito. É maravilhoso fazer a leitura do corpo, sublime fazer a leitura da alma. Respeitosamente, CLÉVERSON ISRAEL MINIKOVSKY. Muito obrigado pela mensagem.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Medicina Oculta – Comportamentos que geram doenças

Por que às vezes nos achamos feios?

Paradoxos e mentiras do nosso tempo