Nós somos campeões

Nós somos campeões



            Nós somos campeões, nada pode nos derrubar.  Nós somos campeões, tudo depende de nós mesmos. Nós somos campeões, o mundo vai nos testar etemos de vencer o mundo. Tudo que me vem na memória é quantos de nós já não passamos por momentos difíceis, seja em que área da vida for. Nos negócios, na vida emocional, no trabalho, nos estudos. Pense bem: nós somos vencedores. Quantas coisas aprendemos, quantas doenças vencemos, quantas dificuldades superamos. As pessoas insistem em achar defeitos em nós, mas podemos mudar tudo, mudar o corpo, mudar o que somos. A realidade é nossa moldura, nós é que a formamos com nossas mãos e nossa mente.
            Vejo que uma história de sucesso não vem com facilidade. Fundadores de empresas regionais começaram senão do zero, com muito pouco. Há quem já pôs a mão na massa para garantir que algo saísse certo, para não perder clientes. Pessoas que estudam muito e passam em concursos públicos, outros trabalham e ganham promoção na empresa, há quem por si mesmo arrisque tudo em um negócio e comece mal, mas acabe vencendo. Não importa perder de vez em quando, pois é essa perda que pode ser a energia para recomeçar, para travar uma revanche especial. Sempre adorei na vida superar certas coisas, o corpo raquítico da pré-adolescência que tinha, a pouca inteligência que uma vez tive, as piadas que contavam a meu respeito. Isso não importa, a não ser que tudo foi positivo, eu acabei vencendo todas as dificuldades. Conquistar pode custar muito, pode demorar, você pode até perder a esperança, mas um dia a nossa medalha vem. Seja honesto, leve a vida em frente, sei que em qualquer atividade que você exerça, tudo vai dar certo em algum momento.
            Pela repetição conseguimos habilidade em qualquer coisa que fazemos. Sei que o treino pode fazer de alguém que não tem jeito para alguma atividade, um perito nessa mesma atividade. Isso também se dá com as chamadas “competências”. Temos talentos, isso é inegável. Mas quem disse que não posso adquirir talentos, mudar? É um besta quem quer me julgar e arruinar a minha vida dizendo que eu não poderia ser um advogado por ser calado ou tímido. Hoje estou onde estou, e o besta está por aí, não sei o que faz, talvez continue papagaiando de forma impensada. Eu gango honorários para escrever três folhas, sem o mínimo esforço, e o nosso papagaio trabalha como um burro para ganhar dívidas. Não falemos mais dos bichinhos, não merecem esses comparativos. Se eu quiser ter uma competência, eu vou ter, e nenhum besta de Recursos Humanos ou quem me julgaria pode ter algo com isso. Deus pode me fazer herói da noite para o dia, um orador a partir da timidez. O próprio Moisés não era muito de discursos, e acabou revelando a Lei de Deus.
            Mas voltemos as nossas vitórias. Seu que você já foi o melhor em alguma coisa. Lembre agora, faça um esforço. Mesmo criança, quando tinha alguma habilidade, não deixe isso de lado, sorria com a forma que você despertava admiração nos amigos. Qualquer coisa vale. Eu era bom em jogos de vídeo-game, em uns que exigiram rapidez e reflexo, como acho que um sobre as olimpíadas. Os recordes vieram, e ainda devem surgir. Se dê uma nova chance, faça o melhor hoje mesmo. Lembre a rapidez que já teve na juventude, a força, a inteligência. Todos temos habilidades, todos podemos revelar muitas competências. Não acredite em testes vocacionais, acredite na tua alma, no teu coração. Seja você mesmo, ou mesma, revela ao mundo a grande personalidade que até agora ficou escondida em você.
            E os contadores de piadas a nosso respeito? Eles continuam comediantes, mas nós devemos levar tudo com bom humor. Se você é gordo, emagreça, mostre um dia um belo corpo ao teu comediante. Se você é magro, faça exercício, vença ele em alguma prova física. Se você é julgada por ser loira, passe em um concurso, ganhe muito dinheiro, desfile um carrão para que teu ofensor veja e tenha inveja. Se você é julgada de feia, arrume o cabelo, mude um pouco, vista roupas sensuais, procure aprender com mulheres que têm esse perfil, e logo deixará o teu comediante babando de boca aberta. Se te humilham por ser sozinha, procure um dia se exibir bem acompanhada. Se acham que você só pensa em trabalho e não atrai, escreva um livro sobre sexo. Se te julgam de perdedor, vença em algo, procure com  esperteza alguma coisa que dê dinheiro e fama, seja um campeão. Um dia o mundo te dará o troféu, te pedirão autógrafo. Diga a si mesmo: 'eu sou tão maravilhoso, tão inteligente, eu me adoro. O mundo seria outro sem mim, algo meio sem graça ao meu tempo. Estou vivendo momentos de muitas conquistas e estou muito feliz. Todos querem se aproximar de mim para aprender algo, para curtir a minha presença'. Fale coisa semelhantes e siga a tua meta, seja campeão ou perca e aprenda a perder. Um dia temos de vencer, e perder faz parte do mundo, e os ignorantes acham que sempre os outros irão perder, quando vencem quando estes menos esperam.
           

Comentários

  1. Mariano: ninguém começa do zero absoluto. Até pode começar do muitíssimo pouco. Mas sempre se começa de antemão com uma reserva ou acumulação. O que ocorre é que, como dizem os evangelhos, "sê fiel no pouco e eu te colocarei sobre a administração do muito". Obrigado pela mensagem. Respeitosamente, CLÉVERSON ISRAEL MINIKOVSKY

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Medicina Oculta – Comportamentos que geram doenças

Por que às vezes nos achamos feios?

Paradoxos e mentiras do nosso tempo